Rogerio Reis Devisate

Site oficial

LIVROS

Grilos e Gafanhotos

Grilagem e Poder

Grilagem das Terras e da Soberania

Diamantes no sertao garimpeiro.jpg

Diamantes no Sertão Garimpeiro

 

FEEDBACKS

Devisate, os seus artigos são excelentes! São claros, profundos e didáticos! 

Como toda leitura de qualidade, induz o leitor à reflexão, por conseguinte sedimentando a sua opinião a respeito do tema. 

Conheço Rogério Devisate há muitos anos. Tempos de luta pela valorização da Defensoria no espaço da estrutura da Defensoria. Devisate sempre estava atento a tudo que se passava e, como um enxadrista, antecipava os movimentos dos que se opunham à Instituição - sim, havia forças políticas que não aceitavam uma Instituição para o trato dos empobrecidos.
Avante Rogério, com seu compromisso e com sua inteligência, engrandecendo os debates..

A seca do sertão brasileiro, apesar de ter sido apresentada em alguns clássicos da literatura nacional, é hoje um tema pouco abordado na literatura contemporânea.

Ela suscita diversas dicotomias presentes na nossa sociedade, como por exemplo, pobre e rico, machismo e feminismo (mesmo que encoberto), nós e os outros. 

Essas dicotomias, quando apresentadas nesse cenário, levam o ser humano ao extremo, trazendo à tona os nossos sentimentos mais primitivos, mas que só dão as caras nesses momentos de profunda angústia. 

Portanto, é imensa a relevância da abordagem desse tema que não nos é familiar, para que possamos ter cada vez mais empatia e compaixão com a vida castigada das famílias que enfrentaram e enfrentam esse problema.

Ficam aqui algumas dicas, além de O Quinze, para você se familiarizar com o nosso sertão brasileiro: 

1. Vidas Secas - Graciliano Ramos

2. Diamantes no Sertão Garimpeiro - Rogerio Reis Devisate

3. O Auto da Compadecida - Ariano Suassuna

TAQUICARDIA LITERÁRIA, GRUPO DE LEITURA

ROBERTO GONÇALVES FREITAS FILHO, ADVOGADO E EX PRESIDENTE DA ANADEP (Associação Nacional dos Defensores Públicos)

CARLOS PEREIRA NETO, DEFENSOR PÚBLICO - RJ, JUNTO AO STF E STJ.

 
 

ARTIGOS

Coletânea de textos, publicados semanalmente em jornais ou, de conteúdo jurídico, periodicamente em sites especializados. 

Outros foram publicados em obras coletivas, seja de caráter jurídico ou de literatura, como na Coletânea Viagem à Volta da Minha Casa, com autores brasileiros e portugueses.

Os temas jurídicos tratam do Direito Civil, do Direito Agrário,  do Direito Ambiental, dos Recursos Extraordinários e do Acesso à Justiça. 

Os demais temas envolvem questões Políticas, existencialistas, humanistas e sociais.

Os textos estão catalogados cronologicamente, por título. Para acessar, basta clicar nos links.

 

SOBRE MIM

Em 2021, celebro 30 anos de exercício da advocacia. Seja como Advogado particular, como Defensor Público ou exercendo outras relevantes funções, sempre procurei fazer o melhor. Publiquei meu primeiro artigo em 1992, no Jornal do Commercio e muitos outros desde então, seja em revistas jurídicas ou jornais, além de 3 livros.

Dizem que um homem cumpriu sua missão quando plantou árvore, teve filho e escreveu livro. Essas obras já realizei e muito me satisfazem, mas o espírito inquieto mantém acesa a curiosidade e continuo ávido por descobrir lugares, conhecer estórias, aprender com as pessoas, tendo os livros como permanentes companheiros. Carpe diem é um bom lema: que façamos valer os nossos dias... como também C`est la vie, expressão que me acalma os ânimos quando nem tudo segue o nosso desejo. Que, do equilíbrio entre ambos, façamos nossas vidas valer a pena, sempre!

 

REPLANTIO DE ÁRVORES NATIVAS

“Chegamos a um momento em que a vida cobra o seu preço, que os riscos poluidores antes assumidos não mais são suportados, que megacorporações poluidoras devem pagar por danos ambientais, que governos não podem deixar de zelar pelo meio ambiente e de que o Mundo não tem uma lixeira onde jogar os desejos e supérfluos que produzimos e consumimos. 
Moramos no Mundo que é a nossa casa, a fonte do nosso ar e alimentos e a “nossa lixeira”, tudo ao mesmo tempo.”¹

A sustentabilidade deriva do latim sustentare, com o significado de sustentar, conservar e cuidar e é mais do que um conceito, exigindo de nós um novo modo de agir em relação ao meio ambiente. A natureza precisa de nós e nada do que fazemos é dissociado do meio ambiente.

 

O Projeto Replantio é um ideal que se inicia como um embrião e que – torcemos – possa alcançar muitos, onde vivemos. Que possa também alcançar pessoas em outras cidades e estados. Se cada um puder plantar uma (1) árvore nativa, já faremos grande diferença.

 

O Projeto Replantio é uma ideia, uma iniciativa voluntária, isolada, pessoal e altamente satisfatória. Participe!

¹ DEVISATE, Rogério Reis. Cobiça na Amazônia: entre mitos, lendas e realidade. Artigo publicado na Coluna de domingo, no Jornal A Gazeta do Amapá, em 07.3.2021, p. 23 - https://agazetadoamapa.com.br/coluna/892/cobica-na-riqueza-amazonica-entre-mitos-lendas-e-realidade - trecho destacado

CONTATO

Não deixe de acompanhar:

  • Preto Ícone Instagram

Deixe sua mensagem!

Obrigado pelo envio!

Assine para receber novidades, eventos e mais!

Seja bem vindo!